domingo, 6 de junho de 2010

Deserto

.
.
.

Claude Lorrain. Psiquê abandonada. Londres, National Gallery



'Deserto' vem do latim 'desertus' e é o particípio passado de 'deserere', que significa abandonar, deixar em abandono. A partícula 'de' nega o sentido de 'serere', que quer dizer conectar, ligar.

O deserto é esvaziado de tudo.
Nele, não há ponto de conexão possível.

.
.
.

2 comentários:

  1. As palavras povoam o deserto, conectam....
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  2. Com certeza, Fernando! E é por isso que eu gosto tanto delas... Abraços

    ResponderExcluir